A Vinha

Vanilda Bordieri

Ele tinha uma pequena vinha junto aos muros do palácio
Um dia ele foi surpreendido por um pedido do rei
Nabote, me vende a tua vinha
Lhe pago por ela um alto valor
Nabote, vamos trocar essa vinha
Te darei outra vinha bem maior e bem melhor

Acabe, a minha vinha não tem preço
A minha vinha é herança
É presente que ganhei dos meus pais
Acabe, não quero ouro e nem prata
O teu dinheiro não é nada comparado
Ao valor da minha vinha

Não tem preço, a minha vinha não tem preço
Meu ministério eu não vendo
E nem troco a minha comunhão com Deus
Não troco, a minha vinha eu não troco
Nada vai encher meus olhos
Minha vinha é herança.

Não negocio, a minha vinha tem seus frutos
E não tem prata nesse mundo
Pra comprar o que o meu Deus me deu
Posso até ser vizinho Acabe e Jezabel
A minha vinha eu não vendo
Eu ganhei de Deus

Eu morro por ela, luto por ela
Choro por ela e não venderei
A minha vinha é herança que ganhei de Deus
Eu morro por ela, luto por ela
Choro por ela e não venderei
A minha vinha é herança, mão não abrirei

Viverei por ela
Viverei por ela
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist?simnão

    feedback