Sempre há Saída

Luiz Carlos

Quantas vezes eu te pedi, pra se lembrar de mim
Eu estava aqui, precisando de você
Quantas vezes você sorriu e até zombou de mim
Não estava nem aí, eu não existia pra você

Agora vejo que a vida te ensinou
Depois que perdeu um grande amor
Ficou tão só, tão só

Agora você me diz que quer voltar pra mim
Ainda estou aqui, mas não posso te querer
Agora que você já sabe que a solidão é ruim
Doeu de mais em mim, está doendo em você

Não desejo pra você o que eu passei
Quantos dias quantas noites eu fique
Tão só, tão só

Vai busque o seu caminho vai
Não estou sozinho encontrei alguém, pra mim
Vai, vai viver a vida vai
Sempre há saída
Entenda que o amor é mesmo assim
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist?simnão

    feedback