Morfina

Zé Henrique E Gabriel

Toda vez que tô sozinho ouço sua voz,
Lembro de você falando de nós.
Inesperadamente sinto seu cheiro no ar,
E tenho a sensação do toque das suas mãos.

Isso nunca vai passar,
E sempre assim vou me render.
É como uma morfina,
Meu corpo depende disso pra viver.

São sintomas que preenchem esse vazio em mim,
Fico anestesiado por lembranças,
Sensações, te quero assim,viver assim,
Eu vou te amar até o fim.
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist?simnão

    feedback