Passou-se O Tempo

Vicente Celestino

Como vai longe aquele tempo de criança
Em que da vida não provara o amargo fel
A alma cheia de inocencia e de esperança
pelo Natal ia esperar Papai Noel .
E qualquer arte, qualquer coisa que eu fazia
Se POR ACASO ME PORTAVA UM POUCO MAL
MINHA MÃE LOGO SE ZANGAVA E ME DIZIA
nÃO GANHAS NADA COM CERTEZA NO Natal.

Papai Noel
Como é bom ser inocente
Ter a alma cor do céu
E acreditar no teu presente

Passou se o tempo e também os desenganos
O meu cabelo quase todo embranqueceu ...
Agora velho no Natal todos os anos
Quem é o Papai PAPAI NOEL sou sempre eu .
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist?simnão

    feedback