Sombra do Arvoredo

Teixeirinha

Na sombra do arvoredo
Eu descançava um pouquinho
Do alto da laranjeira
Cantava o passarinho
Cantava por despedida
Da onde fez o seu ninho
O vento também chorava
Balanciando o galinho

Adeus arvoredo lindo
Onde aprendi a cantar
Ele dizia chorando
Pra nunca mais voltar
Ele pediu-me um favor
Eu tive que adivinhar
Sabendo que ia morrer
Pediu prá eu lhe enterrar

Na ânsia triste da morte
Ele cantou sem enredo
Queria que eu lhe enterrasse
Na sombra do arvoredo
Ali nasceu o passarinho
Cantou um dia bem cedo
Com ele também morria
Do seu amor um segredo

Pássaro, meu passarinho
Responda o que aconteceu
Ele não disse mais nada
Bateu as asas e morreu
O seu corpinho sem vida
Lá do galhinho desceu
Enterrei o passarinho
No lugar onde nasceu

Hoje no mesmo arvoredo
me sento ali tão sozinho
Olho para laranjeira
Tão triste só resta o ninho
O arvoredo em silêncio
Com a falta do passarinho
Que morreu levou consigo
Saudades do seu benzinho.
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist?simnão

    feedback