Amor fingido

Silvinho

Fingi, você não sabe porque
A dor que estais sentindo sei que preferes morrer
Falaram mal de mim quisera acreditar
Agora pede clemência arrependida quer voltar

Agora é tarde, há de pagar o seu pecado
Pois um amor fingido nunca deve ser pedoado

Fingindo, fosse cumprir o seu destino
Esnobando seu amor por cabarés e cassinos
Fingida está para sempre mas a culpa foi sua
Deixaste de ser mãe para ser mulher da rua

Mas se um dia voltares não te darei o meu carinho
As mulheres são falsas prefiro viver sozinho
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist?simnão

    feedback