Não Fale Dessa Mulher Perto de Mim

Raul Sampaio

Não falem dessa mulher perto de mim
Não falem pra não lembrar minha dor

Já fui moço já gozei a mocidade
Se me lembro dela me dá saudade
Por ela vivo aos trancos e barrancos
Respeitem ao menos meus cabelos brancos

Ninguém viveu na vida o que eu vivi
Ninguém sofreu na vida o que eu sofri
As lágrimas que semtiram os meus sorrisos francos
Refletem-se hoje em dia nos meus cabelos brancos

E agora em homenagem ao meu fim
Não falem dessa mulher perto de mim (bis)

Ninguém viveu na vida o que eu vivi
Ninguém sofreu na vida o que eu sofri
As lágrimas que semtiram os meus sorrisos francos
Refletem-se hoje em dia nos meus cabelos brancos

E agora em homenagem ao meu fim
Não falem dessa mulher perto de mim (bis)
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist?simnão

    feedback