Lembranças

Porca Véia

Quando as almas perdidas se encontram
Machucadas pelo desprazer
Um aceno um riso apenas
Da vontade da gente viver

São os velhos mistérios da vida
Rebenqueados pelo dia-a-dia

Já cansados de tanta tristeza
Vão em busca de nova alegria

E ao morrer nesta tarde morena
Quando o sol desapaciento se vai
As lembranças tranqueiam com as águas
Passageiras do rio Uruguai

E as guitarras eternas cigarras
Entre as flores dos velhos ipês

Sempre vivas dormidas se acordam
Na lembrança da primeira vez

E ao morrer nesta tarde morena
Quando o sol desapaciento se vai
As lembranças tranqueiam com as águas
Passageiras do rio Uruguai

E as guitarras eternas cigarras
Entre as flores dos velhos ipês

Sempre vivas dormidas se acordam
Na lembrança da primeira vez
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist?simnão

    feedback