O Dia Que a Favela Chorou

Mc Filhão

Hoje o coro vai comer, a chapa vai esquentar
Quem é morador de favela, bota o dedo pro ar
A judaria que fizeram com irmão vida loka
Disposição muleque doido, respeitado na boca
Não tinha luxo nem riqueza é era celebridade
Todos lugares que passava só fazia amizade
As novinha ficavam louca ele ere rei das mulher
Mas coração de um vagabundo bateu na sola do pé
Um tal judas traidor, tinha inveja do parceiro
Que dentro da comunidade era o cara mais maneiro
Beijou seu pai sua mãe e foi brincar com as crianças
Era o ultimo momento que ia ficar na lembrança
Foi quando o bonde desceu correndo pra avisar
Que hoje tem baile funk e o mano não vai estar
Mais um sonho que se acaba por causa de um vacilão
Que com um tiro nas costas tirou a vida do irmão
E foi o dia mais triste no asfalto e no morrão
Porque o muleque era parceiro e fechava com os irmão
Comunidade de luto e o povo todo a chorar
E um soldado do morro deu 4 tiros pro ar
E estampado no muro uma frase assim dizia
Mais um guerreiro de fé se foi pela covardia

Hoje a favela toda chora, chora
Mais um vida loka foi embora
Hoje a favela toda chora, um guerreiro que foi embora

Hoje o coro vai comer, a chapa vai esquentar
Quem é morador de favela, bota o dedo pro ar
A judaria que fizeram com irmão vida loka
Disposição muleque doido, respeitado na boca
Não tinha luxo nem riqueza é era celebridade
Todos lugares que passava so fazia amizade
As novinha ficavam louca ele ere rei das mulher
Mas coração de um vagabundo bateu na sola do pé
Um tal judas traidor, tinha inveja do parceiro
Que dentro da comunidade era o cara mais maneiro
Beijou seu pai sua mãe e foi brincar com as crianças
Era o ultimo momento que ia ficar na lembrança

Hoje a favela toda chora, chora
Mais um vida loka foi embora
Hoje a favela toda chora, um guerreiro que foi embora
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist?simnão

    feedback