Rio Piracicaba

Juninho Caipira

Certa vez, estava em casa
Resolvi dar um passeio
Convidei o meu amigo
Prontamente, ele veio
Pegamos nossa canoa
E no rio fomos descendo
Tristeza invadiu o peito
Ver nosso rio desse jeito
E pensei: O que tá acontecendo?

Aquelas águas tão limpas
Escuras estão agora
Tudo se modificou
Já não é mais como outrora
Sujeira por todo lado
Parece que não acaba
Isso corta o coração
Ver tanta judiação
Com o Rio Piracicaba

Um rio que foi tão piscoso
E alegrava o pescador
Hoje está agonizando
E sofrendo... que horror!
E resolvemos subir
Até a Rua do Porto
O parceiro me dizia:
Acabou nossa alegria
Esse rio, tá quase morto

Encostamos na barranca
E fizemos caminhada
E chegando lá no Salto
Onde o peixe faz parada
Procurei a cachoeira
A mais bela que já vi
Olhei pra baixo, pra cima
Véu da Noiva da Colina
Também não achei ali

Desolados... na tristeza
Voltamos para a canoa
Fazer esse tal passeio
Sei que não foi uma boa
Fomos embora remando
Dispensamos o motor
E com aquela profunda mágoa
Subiu o nível das águas
Com o nosso pranto de dor.
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist?simnão

    feedback