Caboclo Encorajado

Francis Lopes

Gosto de um cavalo bom
De uma cela macia
Uma festa de mourão
E de uma cerveja fria
Uma mulher carinhosa
Pra eu amar todo dia

Comecei com 15 anos
Na vida de trabalhar
Montando em burro manhoso
E aprendi a campear
Pegar boi nas capoeiras
Dançar forró e amar

Hoje corro em vaquejada
Que ainda sou preparado
Pra trabalhar sempre fui
Um caboclo encorajada
Pra todo canto que vou
Levo uma mulher de lado

Só sei andar perfumado
Com uma gata bem bela
Passar a noite no forró
Bem coladinho com ele
Apertando no seu corpo
Beijando na boca dela

Eu me abraço com ela
Ela se abraça comigo
Eu começo apertar ela
Beijando no seu umbigo
Trancado num quarto escuro
O resto eu morro e não digo

Fico só lhe amassando
Num canto silencioso
Ela se enrola comigo
E me chama de charmoso
Se abraça comigo e diz
Ô coroa carinhoso

Esse mundo é tão gostoso
Tanto negócio arrumado
Tanta da mulher bonita
E tanto cabra safado
Que ao invés de fazer o certo
Parte pro caminho errado

Outros amarram o cabelo
Faz mais um cocó no pé
Cabra dessa qualidade
Já ta dizendo quem é
Este não é o meu caso
Pois sou doido é por mulher

Sou um cabra de capricho
Só sei andar bem charmoso
Só gosto de gata nova
E só sei andar cheiroso
Quando passo ela grita
Lá vai meu cabra gostoso
Quando passo ela grita
Lá vai meu velhinho gostoso
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist?simnão

    feedback