Sou o Que Sou

Damares

Eu vejo que estas tão triste
E nao consegue disfarçar
É grande a dor no seu peito
E não encontra um jeito pra se controlar
É grande a aflição da alma
Não tem ninguém pra te escutar
E todas as portas se fecharam
Todos te deixaram triste a chorar

Não vê a luz de um novo dia
No túnel desta solidão
Por muitos fostes esquecido
E não tens um amigo que estende a mão
Seu coração está turbado
Sua alma está em pergio
Mas sou seu verdadeiro amigo ouça o que lhe digo
Filho estou contigo

Eu faço a noite virar dia
Acalmo este vendaval
Abro portas, derrubo muros
Sou deus que não mudo e não há outro igual
Neste caminho vou na frente quebrando correntes
Não tens que parar
Sou deus que onde nao há portas
Eu abro uma porta pra voce passar

Eu sou o que sou eu começo e termino
Pra matar gigantes eu uso menino
Sou deus de isaac, jacó e abraão
Quebrando as cadeias arrebento as prisões
Se tardes recebes, se buscas ebncontra
Pois sou tão zeloso e fiél
A porta se abre pois te dei a chave do reino do céu

Eu faço a noite virar dia
Acalmo este vendaval
Abro portas, derrubo muros
Sou deus que não mudo e não há outro igual
Neste caminho vou na frente quebrando correntes
Não tens que parar
Sou deus que onde nao há portas
Eu abro uma porta pra voce passar
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist?simnão

    feedback