Violeiro Bom

Cezar e Paulinho

Não foi Maria, não foi Helena
Que deu recado pra Madalena
Não foi a rosa, nem a açucena
É o olhar dela que me condena

Violeiro bom canta e não treina
Tenho o desprezo de uma pequena
Eu sofro tanto que até dá pena
Sem os carinhos dessa morena

Não foi Maria, não foi Helena
Que deu recado pra Madalena
Não foi a rosa, nem a açucena
É o olhar dela que me condena

A garça branca voa serena
Cortando o espaço deixando pena
Mas a saudade que me condena
É a despedida dessa morena

Não foi Maria, não foi Helena
Que deu recado pra Madalena
Não foi a rosa, nem a açucena
É o olhar dela que me condena

Quando o artista com a mão acena
Saúda da platéia grande ou pequena
Fecha as cortinas, desfaz a cena
Para voltar na outra quinzena

Não foi Maria, não foi Helena
Que deu recado pra Madalena
Não foi a rosa, nem a açucena
É o olhar dela que me condena
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist?simnão

    feedback