Sabe de Nada Inocente

Adson e Alana

Achou que eu ia ficar sofrendo
Chorando e me remoendo
Trancada, carente?
Sabe de nada inocente

Eu tava em casa deprê pesada
De pijama o dia inteiro só comendo brigadeiro
E de meia furada
Cabelo embaraçado, cabeça pra baixo
Foi ai que eu decidi que eu vou cuidar de mim
E vou sair desse buraco
Fui pro salão eu fui pra academia
Quase morri sem comer
E agora você vem dizer que quer voltar
Vê se vai se fu
Ei, ei, é meu irmão tu vacilou perdeu
Tu nem imaginava que um cara assim como eu
Iria encostar a mão na tua mina
E ela ainda me diz "é minha vez de ir por cima"

Achou que eu ia ficar sofrendo
Chorando e me remoendo
Trancada, carente
Sabe de nada inocente

Eu tava em casa deprê pesada
De pijama o dia inteiro só comendo brigadeiro
E de meia furada
Cabelo embaraçado, cabeça pra baixo
Foi ai que eu decidi que eu vou cuidar de mim
E vou sair desse buraco
Fui pro salão eu fui pra academia
Quase morri sem comer
E agora você vem dizer que quer voltar
Vê se vai se fu, ei, ei
Não se faça de inocente você queria ela ali
Quietinha, trancada, e você aprontando por ai
Irmão tô adorando ficar com sua gata
Mas quando ela era sua você não valorizava

Achou que eu ia ficar sofrendo
Chorando e me remoendo
Trancada, carente
Sabe de nada inocente
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist?simnão

    feedback